É necessário que o seu navegador tenha o suporte a javascript habilitado para navegar neste site. Viver com nossos mortos
  • 00 item(s) - R$ 0,00
Seu carrinho de compras está vazio.
  • Viver com nossos mortos

Viver com nossos mortos

Pequeno tratado de reconforto
Autor: Delphine Horvilleur
SKU: 146001
Páginas: 172
Avaliação geral:

Este "pequeno tratado de reconforto" aborda o mistério da morte a partir de onze histórias vividas pela autora, contadas com graça e sabedoria e entrelaçadas com referências bíblicas e lendas, tradições e até piadas judaicas.

R$ 80,00 no Cartão
Disponibilidade: Imediata

Quem comprou esse produto também comprou:

Descrição

Este "pequeno tratado de reconforto" aborda o mistério da morte a partir de onze histórias vividas pela autora, contadas com graça e sabedoria e entrelaçadas com referências bíblicas e lendas, tradições e até piadas judaicas.

Um livro para todos os leitores de qualquer cultura e tradição. 

Índice e trechos

Sumário

Azrael: "Vida e Morte na mão"
Elsa: "Na casa dos vivos..."
Marc: "As roupas dos fantasmas..."
Sara e Sara: "O cesto das gerações"
Marceline e Simone: "No dia do Juízo"
O irmão Isaac: "Pode lhe perguntar"
Ariane: "Quase eu"
Miriam: "O mundo vindouro"
Moisés: "O homem que não queria morrer"
Israel: "Bendito seja quem faz reviver os mortos..."
Edgar: "Eu sou o guardião do meu tio?"

Sobre o autor

Delphine Horvilleur

Delphine Horvilleur é, essencialmente, uma comunicadora. Estudou medicina em Israel, trabalhou como jornalista e apresentadora de um telejornal antes de decidir mudar de vida e viajar a Nova Iorque para se preparar para o rabinato - percurso semelhante ao do rabino brasileiro liberal Nilton Bonder (que assina a apresentação do livro).

Imprensa

O livro, uma reflexão sobre nossa relação com a morte, vendeu mais de 250.000 exemplares na França, uma raridade para uma obra de não-ficção.
The New York Times

Um livro carregado de uma sutileza cômica que honra a existência (sabendo que as coisas não duram para sempre).
La Voz (Argentina)

Um livro extraordinário.
El País (Madri)

Viver com nossos mortos é um livro único. Não, não é um livro, é uma canção. Uma canção deslumbrante e livre que afasta do céu as nuvens mais sombrias dos nossos medos.
Libération (Paris)

É, sem dúvida, um dos livros mais belos e impressionantes não só do último ano, mas dos últimos anos.
ABC Cultural (Madri)

Avaliação dos Clientes

Seja o primeiro a avaliar este produto.