É necessário que o seu navegador tenha o suporte a javascript habilitado para navegar neste site. Par Jonathan Sacks
  • 00 item(s) - R$ 0,00
Seu carrinho de compras está vazio.
  • Par Jonathan Sacks (Uma Letra da Torá e Para Curar um Mundo Fraturado)

Par Jonathan Sacks (Uma Letra da Torá e Para Curar um Mundo Fraturado)

Uma letra da Torá e Para curar um mundo fraturado
SKU: 9407
Páginas: 612
Avaliação geral:

Par de livros do Rabino Jonathan Sacks sobre a ética e as idéias filosóficas e teológicas que são fruto do judaísmo e que dizem respeito à vida que vivemos em conjunto e ao bem que só existe quando compartilhado.

de R$ 160,00 por R$ 144,00 2x de R$ 72,00 s/ juros no Cartão
Disponibilidade: Imediata

Descrição

Uma Letra da Torá

Por um tempo longo demais, os judeus definiram a si mesmos à luz das coisas ruins que lhes tinham acontecido. É fato que, muitas vezes, quase foram dizimados. A destruição do Primeiro e do Segundo Templos, a expulsão da Espanha e a Solução Final de Hitler são apenas quatro exemplos. Mas, contrariando todas as probabilidades, sobrevivemos a sucessivas catástrofes e nos mantivemos como uma comunidade próspera e vibrante. A pergunta que o Rabino Jonathan Sacks faz é, simplesmente, Como? Como, face a tanta adversidade, o judaísmo permaneceu vivo e floresceu, deixando uma marca na história humana totalmente desproporcional aos seus números?

Escrito originalmente como um presente de casamento para seu filho e sua nora, Uma Letra da Torá é a resposta pessoal do Rabino Sacks a esta pergunta, um depoimento em louvor à indestrutível perseverança de seu povo. Ao explorar a revolucionária série de ideias filosóficas e teológicas que são fruto do judaísmo - do Pacto do Sinai ao Shabat e à educação formal - e ao nos mostrar o quão incrivelmente relevantes elas continuam a ser nos dias atuais, Sacks retrata a identidade judaica como uma honra e um dever.

O Baal Shem Tov, rabino do século 18 que fundou o Chassidismo, comparou o povo judeu a uma Torá viva, na qual cada judeu é uma letra do texto sagrado. No pergaminho, uma única letra danificada invalida a Torá. No judaísmo, a ausência ou o afastamento de um único indivíduo faz todo o povo sofrer. O Rabino Sacks usa esta metáfora para construir uma argumentação apaixonada em prol da prática religiosa nessa época secular, e nos convida a participar ativamente da preservação de uma tradição tão rica e envolvente quanto a nossa. Nunca antes um livro expressou com tanta eloquência o regozijo de ser judeu. Esta é a história da esperança de um homem em relação ao futuro - um futuro no qual a geração dos nossos filhos abraçará com alegria toda a beleza da religião mais antiga do mundo.

***********

Para Curar um Mundo Fraturado

Um dos conceitos mais característicos e polêmicos do judaísmo é sua ética da responsabilidade. Porque recebemos a dádiva da liberdade, é nosso dever honrar e engrandecer a liberdade de outros. Nenhuma outra geração foi tão estimulada a acreditar que a única fonte de significado é a satisfação das necessidades individuais. O Rabino Sacks mostra aqui o profundo engano contido nessa crença. A ética diz respeito à vida que vivemos em conjunto, ao bem que só existe quando compartilhado.

A argumentação construída pelo Rabino Sacks expõe a dimensão do seu comprometimento com a condição humana e reflete a riqueza do seu conhecimento. Ele fala de Sigmund Freud ou Karl Marx com a mesma autoridade com que cita e comenta a Bíblia Hebraica. Para Curar um Mundo Fraturado é seu chamado à sociedade para que caia em si, para que volte à razão.

Sobre o autor

Rabino Lord Jonathan Sacks foi Rabino-Chefe da Grã-Bretanha e Comunidade Britânica. Educado em Cambridge e Oxford, lecionou em universidades e liderou congregações na Inglaterra, em Israel e nos Estados Unidos, e era reconhecido como um dos maiores da nossa era. Faleceu recentemente, em novembro de 2020. 

Avaliação dos Clientes

Seja o primeiro a avaliar este produto.